A terceira queda do Mundial de Free Fire também ficou com o time russo da Sbornaya, que chegou à sua segunda vitória em três quedas. Se da última vez os russos fizeram poucos abates, desta vez eles acumularam onze, o suficiente para garantir uma boa pontuação e assumir a liderança da tabela.

Sbornaya ChR assume a liderança da tabela após a 3ª queda

Leia também:

A segunda partida em Bermuda contou com o mesmo posicionamento dos brasileiros. A LOUD mal ficou no avião e já pulou em Shipyard, call preferida do time nesse Mundial. Já o Corinthians, escolheu mais uma vez Observatório, mas desta vez foram seguidos de perto pela Sbornaya – que optou por evitar a troca com o Timão.

Com uma trocação forte no meio da primeira safe, que desta vez fechou mais ao norte do mapa, a Nawabzade foi a primeira eliminada mais uma vez. O time Indiano é um dos favoritos ao título mas ainda não conseguiu emplacar nesse Mundial.

Na penúltima safe do jogo, a terceira, muitos times acabaram se encontrando. O Corinthians cresceu para cima da Dranix mais uma vez e conseguiu eliminar o time da Indonésia, mas não contou com a sorte da última vez.

O Timão estava cercado por outros times, que aproveitaram da brecha e acabaram eliminando os brasileiros, que ainda tentaram partir para cima dos russos, mas não conseguiram.

A LOUD, por sua vez, estava mais uma vez arrodeada de vários times, e sem muitos abates, acabou caindo quase que no mesmo instante que o Coringão.

Na zona final, a Sbornaya conseguiu o melhor posicionamento mais uma vez. Seus rivais eram Arctic e Illuminate, que não conseguiram segurar o endiabrado Dzarmaro, que acumulou sete abates e carregou o time para mais um BOOYAH, garantindo assim o MVP da partida.

O Corinthians agora está na terceira colocação, atrás de Illuminate e Sbornaya, que assumiram as primeira e segunda colocações, respectivamente. A LOUD amarga o nono lugar e precisa urgentemente encontrar o seu jogo, antes que seja tarde demais.

Acompanhe todas as quedas e detalhes pelo YouTube. BOOYAH!